[Resenha] Paramore (2013)

Jeremy Davis (baixo), Taylor York (guitarra) e Hayley Williams (vocal).

Jeremy Davis (baixo), Taylor York (guitarra) e Hayley Williams (vocal).

Lançado no início do mês, o 4º álbum da banda Paramore, com título homônimo, é um dos mais deliciosos de ~rock manerinho~ (como eu costumo chamar o estilo de rock que os “roqueiros” costumam dizer “Ai, mas isso não é rock de verdade mimimi” e que gosto de ouvir por ter uma pegada mais divertida e descompromissada) que ouvi neste ano. Claro que não bate a epicidade de “Brand New Eyes” (2009), mas é bom também. E senti uma leve mudança de direção tomada pela banda depois da saída dos irmãos Faro, e a Hayley tá mais invocada nos vocais e nas composições também.
As minhas preferidas do ~disco~ são, de longe, “Ain’t Fun” (que me remete a Michael Jackson e aqueles gospel americanos divertidos), a profunda “Hope” e “Future”, com quase OITO minutos de duração e com um instrumental neuvosor.
Seguem os singles/clipes lançados até o momento:


Este clipe é muito invocado. O q q é isso, galera??

Um clipe fofo. OK.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s