Dossiê Once Upon a Time

once-upon-a-time-cast1

Somente hoje consegui por em dia todos os episódios já exibidos até então de “Once Upon a Time”, e decidi fazer esse dossiê. A série é simplesmente formidável, está em sua 3ª temporada e é a que tem o melhor roteiro das que estou assistindo atualmente, a criatividade dos autores está realmente de parabéns.
“Once Upon a Time” é uma criação da dupla Edward Kitsis e Adam Horowitz para a ABC, e consegue unir no enredo muitas das fábulas infantis (muitas delas já recontadas pela Disney, a proprietária da emissora, através dos anos).
Como sendo alguns pilares que sustentam a série, temos Regina Mills, a “Rainha Má” (interpretada magistralmente por Lana Parrilla) que, não apenas lançou a maldição sobre os personagens da Floresta Encantada, fazendo-os viver sem memória em nosso mundo na fictícia cidade de Storybrooke, como também é responsável por atazanar a vida de Branca de Neve (Ginnifer Goodwin) e Príncipe Encantado (Josh Dallas), entre tantos outros personagens não relacionados (como a fada Sininho e a sereia Ariel, por exemplo), e temos também o outro vilão, Rumpelstiltzkin (interpretado por Robert Carlyle que, na minha opinião, é o melhor ator, de longe, de toda a série!), também conhecido como Senhor das Trevas, e um dos personagens mágicos mais poderosos da trama (que inclusive treinou Cora, a malígna mãe de Regina, e a própria Rainha Má, além de ter sido “a Fera” da Bela e “a fada-madrinha” da Cinderella).
Em contraponto, temos Henry (Jared S. Gilmore), que foi adotado por Regina e que vai, no primeiro episódio da OUAT, atrás de sua mãe biológica, Emma Swan (Jennifer Morrison), revelando à ela sobre a maldição que acomete os habitantes de Storybrooke, e que somente ela, a filha perdida de Branca e Encantado, pode desfazer esse feitiço. No começo, Emma não acredita no garoto, mas no fim ela não só acredita como entre em inúmeras enrascadas (ela inclusive enfrentou a vilã Malévola, de “A Bela Adormecida”, em sua forma de dragão), e acaba quebrando a maldição no final da 1ª temporada.
A temporada seguinte foi bem movimentada, com a ameaça de Cora (Barbara Hershey) querendo reencontrar sua filha, enquanto Storybrooke, que vivia oculta do resto do mundo, é exposta e visitada por pessoas mal-intencionadas que estavam ali para destruir a magia. Outro que procurou por seu filho perdido foi o Sr. Gold (Rumple), que acaba descobrindo que Baelfire se chama Neal  (Michael Raymond-James) em nosso mundo e é pai de Henry. A seguir, deixo um infográfico com as ligações (consanguíneas ou não) dos personagens principais da série:

OUAT infografico

A temporada atual está simplesmente demais, pelo fato de Emma, Mary Margareth (Branca), David (Encantado), Regina e Capitão Gancho (Colin O’Donoghue, o mais gato da série), personagens tão diferentes e de lados opostos, estão unidos para resgatar Henry da Terra do Nunca, que foi levado até lá a pedido de Peter Pan (Robbie Kay), outra surpresa excelente, pois aqui descobrimos que ele se trata de um vilão poderosíssimo, temido inclusive pelo Senhor das Trevas (seus poderes ainda não foram mostrados, mas ele aparece em qualquer lugar da Terra do Nunca e aparentemente conhece TODA A VIDA das pessoas que estão lá).
Vamos ver até onde isso vai, mas até agora não me decepcionei com a série (que já ganhou um spin-off, Once Upon a Time in Wonderland, mas como eu não tenho paciência para spin-offs, nem assistirei), com uma trama cheia de surpresas, reviravoltas e conexões entre os personagens de diferentes contos de fadas. O mais legal é que, enquanto vemos o desenrolar nos dias atuais, somos apresentados ao passado do(s) personagem(ns) em questão em flashbacks (como em “Lost”), mostrando a vida pré-maldição deles e seus encontros anteriores.
Por falar em “Lost”, a série parece que deu emprego para perto do elenco da finada série de J.J. Abrams, como Emilie de Ravin (Bela), Jorge Garcia (o gigante Anton de “João e o Pé de Feijão”) e Alan Dale (Rei George).
Resumindo, a série é altamente recomendável.

Amo/sou a risadinha do Rumple.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s