O melhor do Oscár™ 2014

oscar

A entrega do Oscar ocorreu ontem à noite e, infelizmente, foi a 1ª vez que não assisti via TV (devido ao maldito Carnaval), então só me restou acompanhar pelo Twitter e com os comentários ao vivo no liveblogging do pessoal do Omelete.
A festa foi muito animada, com direito ao 2º tombo consecutivo da Jennifer Lawrence no tapete vermelho, a Ellen DeGeneres (que novamente foi a apresentadora da premiação) pediu pizza pra galera (que, pelo visto, tava faminta, a exemplo do Brad Pitt) e tirou a selfie mais legal de todos os tempos (imagem abaixo) e que se tornou a foto mais retuitada da história do Twitter (desbancando aquela do Obama) e que, até o momento, conta com mais de 2,5 milhões de compartilhamentos! 😮
A noite foi do filme “Gravidade”, que ~abocanhou~ 7 prêmios (incluindo o de Melhor Diretor para Alfonso Cuarón), mas o de Melhor Filme ficou com “12 Anos de Escravidão” (que eu ainda tenho que assistir).
Estava torcendo por Jared Leto e Leozinho DiCaprio, mas somente o vocalista da banda 30 Seconds to Mars foi feliz, levando pra casa seu 1º Oscár, de Melhor Ator Coadjuvante em “Clube de Compra Dallas”. E o Leo, mais uma vez, não levou a estatueta pra casa e quem venceu como Melhor Ator foi Matthew McConaughey em “Clube de Compra Dallas” também.
J-Law não conseguiu seu 2º Oscár (de Melhor Atriz Coadjuvante, que ficou com Lupita N’yongo em “12 Anos de Escravidão”), Cate Blanchet (“Blue Jasmine”) desbancou Meryl Streep (indicada 18 vezes, vencedora de apenas 3 estatuetas) como Melhor Atriz, o filme “Ela” venceu como Melhor Roteiro Original (mas deveria ganhar o prêmio de Melhor Roteiro mais Chato) e a canção “Let It Go”, do filme “Frozen” (que também venceu como Melhor Animação), foi a campeã da noite. Eu não acho que “Let It Go” seja isso tudo, mas estava torcendo por ela porque não queria que a canção do U2 vencesse haha…

BhxWutnCEAAtEQ6

Confira a lista completa de ganhadores aqui.

Anúncios

Oscár™ 2013

oscar-completo

Ontem ocorreu uma das mais joinhas® festas do cinema mundial (leia-se “Hollywood”), a entrega do Oscar. Bom, eu não assisti à toda a cerimônia por motivos de: tinha que acordar cedo hoje, mas curti muito o que eu vi, mesmo não tendo assistido à maioria dos filmes indicados.
As surpresas da noite, pelo menos pra mim, foram: Anne Hathaway ganhar como Melhor Atriz Coadjuvante pelo musicais “Os Miseráveis”, essa jovem atriz que né, é queridinha pelos adolescentes e viados (desde “O Diabo Veste Prada” será?). A outra foi a minha queridinha Jennifer Lawrence (tadinha, caiu nas escadas antes de receber a estatueta), recebeu o prêmio como Melhor Atriz (e vejam só, desbancando atrizes do naipe da Emmanuellle Riva, do elogiadíssimo “Amor”) pelo filme “O Lado Bom da Vida”. O que me espanta é que ela apareceu do nada e eu só ouvi falar dela pela 1ª vez quando ela participou do filme “X-Men: Primeira Classe”, de 2011 (o que me faz lembrar que já são 3 x-women vencedoras de Oscar: Vampira (Anna Paquin), Tempestade (Hale Berry) e Mística (Jenniferzinha)).
Sobre as outras premiações, o vencedor do prêmio principal foi “Argo”, como Melhor Filme. Eu ainda não vi o filme, mas achei chatíssimo só pelo trailer, mas claro, tenho que ver antes de sair julgando, né?
Também foi a primeira vez que vi um EMPATE no Oscar, na categoria técnica Melhor Edição de Som, para “A Hora Mais Escura” e “007 – Operação Skyfall”.
Falando nisso, cerimônia ainda teve homenagem aos 50 anos da série cinematográfica de James Bond com a apresentação de Shirley Bassey interpretando “Goldfinger”. E nossa amada Adele ganhou o prêmio de Melhor Canção Original por “Skyfall”, e a apresentação dela foi a melhor da noite, ao meu ver. Veja aqui:

Os outros vencedores você pode ver aqui.